29 de setembro de 2011

Voce sabe como colocar uma manada de búfalos em “V”?

As equipes conduzidas por um gestor líder são mais produtivas. Todo o time compartilha conhecimentos e pratica o coaching mútuo com nítidos benefícios ao grupo e à organização.

       Esta necessidade nos alerta para que os lideres passem por um processo de humanização sem perderem a sua liderança, o que implica em aprender muitas coisas e desaprender outras.

       Antes de tudo é primordial que haja um deslocamento da necessidade de realizar, bastante presente no líder, para o desejo de ser. O ser aflora o servir que conduz ao nascimento de um líder autentico. Neste processo precisa ficar bastante transparente que o compromisso dos membros de uma equipe passa a ser com os princípios e não com os chefes, sepultando o antiquado “culto à personalidade”.

       O resultado das atitudes do líder é uma nova visão de homem, um conceito de poder e valores organizacionais diferentes dos praticados atualmente, pois integra o trabalho, a família e humaniza a organização, tornando-a um meio de crescimento pessoal e de auto-realização.

       Uma pergunta bastante instigante sobre liderança pode ser encontrada no livro O Vôo do Búfalo, de BELASCO & STAYER: Manadas de búfalos costumam seguir cegamente seus líderes, enquanto os pássaros voam em "v", ou seja, na impossibilidade de liderança daqueles que vão à frente, os demais assumem a direção do voo, cada qual em sua vez, sem prejudicar a trajetória. O desafio que o livro coloca é: como colocar os búfalos em "v"?

       O meu conselho é que os “líderes” búfalos esqueçam algumas coisas e aprendam outras, entre elas que consigam fazer suas equipes tornarem-se comprometidas com o bem comum, com o líder servindo a todos e todos servindo a organização.

Um comentário:

DIVINA INSPIRAÇÃO disse...

Ainda não tive o prazer de ler este livro, mas após ler este texto só não vou agora para uma livraria porque estou no Extremo Sul das Minas de Ouro das Montanhas Gerais... rs.
Mas amanhã atravessarei Montanhas e o " Vôo do Búfalo" será meu.
Ah! Agradeço as visitas em meu Blog, peço perdão por não responder lá, mas fui alvo de uma conspiração do mesmo e de minha santa ignorância e hoje não faço a menor ideia do que aprontei para não conseguir comentar em meus próprios comentários.
Mas de qualquer forma, rogo de vós a compreensão.

Grande abraço.
Rê Pinheiro